Violência

Assalto e tiroteio em agência na zona sul; Sindicato cobra emissão da Comunicação de Acidente de Trabalho

Unidade na Avenida João Dias foi alvo de criminosos na manhã de segunda-feira; bandidos trocaram tiro com a polícia, mas ninguém ficou ferido

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 15/01/2018 14:35 / Atualizado em 15/01/2018 15:53

Foto: Seeb-SP

São Paulo – Uma agência da Caixa Econômica Federal na Avenida João Dias, na zona sul de São Paulo, foi alvo da ação de criminosos na manhã da segunda-feira 15. Bandidos renderam um tesoureiro e ataram nele o que seria um colete com bombas. O empregado foi obrigado a entrar na agência e sair com dinheiro, que foi entregue aos assaltantes.

Quando os bandidos tentaram fugir do local, se depararam com policiais que faziam blitz nas proximidades. Houve troca de tiros, mas informações preliminares dão conta de que não houve feridos, e que um dos assaltantes foi preso.

Dirigentes do Sindicato estiveram no local e garantiram a dispensa de todos os empregados que trabalham na agência. Os bancários ficaram do lado de fora do edifício, aguardando a ação do esquadrão antibombas da Polícia Militar. Por volta das 12h30, o artefato foi retirado do corpo do tesoureiro, que passa bem. Em seguida, o funcionário foi levado a uma delegacia da região, para prestar depoimento.

 A Superintendência Regional da Caixa – que acompanha o tesoureiro com o Departamento Jurídico do banco na delegacia – disponibilizou, junto à área de pessoas, acolhimento psicológico aos trabalhadores. Bombeiros também foram acionados.

O Sindicato cobra a emissão da Comunicação de Acidente de Trabalho (CAT), o registro de que o bancário passou pelo trauma. Esse documento pode ser usado junto ao INSS, em caso de necessidade, como comprovação de nexo entre o ocorrido e eventuais transtornos mentais que possam vir a se manifestar no futuro. Outra orientação do Sindicato é sobre a importância de todos os bancários obterem uma cópia do Boletim de Ocorrência, mesmo quem não tenha o nome mencionado no BO.

 



Voltar para o topo