Luta

Abertura do FSM invade Salvador com ritmos de todo o mundo

Marcha reuniu militantes sociais de todo o Brasil e vários outros países, com cantos contra a exploração, a intolerância e a violência

  • William de Luca, Spbancarios
  • Publicado em 14/03/2018 11:59 / Atualizado em 14/03/2018 12:08

Mulheres de todo o Brasil e do mundo participaram da marcha de abertura do FSM

Foto: Seeb-SP

Salvador – A força das mulheres marcou a abertura do 13º Fórum Social Mundial, que iniciou na terça-feira 13 e vai até domingo 18, em Salvador. A Marcha das Mulheres partiu do Campo Grande até a Praça Castro Alves, um dos pontos turísticos da capital baiana. No trajeto, palavras de ordem contra o machismo e a misoginia e cobrando respeito, dignidade e direitos iguais para as mulheres.

A secretária-geral do Sindicato, Neiva Ribeiro, participou da marcha junto com uma delegação de dirigentes sindicais que participarão de debates e eventos do FSM.

Neiva enfatizou que a participação feminina é preponderante para a conquista de direitos, inclusive para a categoria bancária.
“Nós sempre tivemos essa preocupação. Sempre foi uma pauta do Sindicato, seja no combate ao assédio moral e sexual e até mesmo em instrumentos de igualdade de oportunidades. A luta ainda é longa, e por isso a participação feminina nesse processo é fundamental”, alerta.

Programação – A programação do Fórum começa oficialmente nesta quarta-feira 14, com mais de mil eventos, incluindo assembleias democráticas contando com ex-presidentes da América Latina, mesas redondas e conferências. Um dos principais é a mesa de diálogo e a conferência ‘A Era do Capital Improdutivo’, nos dias 14 e 15. Confira a programação completa no wsf2018.org.



Voltar para o topo