Até isso

Eles querem que você trabalhe aos finais de semana

Projeto de lei que autoriza a abertura dos bancos aos sábados tramita no Senado Federal; envie mensagens aos parlamentares envolvidos posicionando-se contra   

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 24/04/2018 16:11 / Atualizado em 26/04/2018 18:20

Arte: Freepik

Para a atual legislatura que ocupa o Congresso Nacional não basta aprovar uma legislação extremamente prejudicial aos trabalhadores e tentar votar a reforma da Previdência, que acaba com o direito à aposentadoria.

A possibilidade de a jornada de trabalho se estender para o fim de semana é mais uma ameaça que paira sobre os bancários. O Projeto de Lei do Senado 203/2017, de autoria do senador Roberto Muniz (PP-BA), autoriza a abertura dos bancos aos sábados e estaria previsto para ser votado na terça-feira 24, na Comissão de Assuntos Econômicos do Senado (CAE).

> Veja o que o golpe tirou dos trabalhadores e do país
Por que estão acabando com nossos direitos

Neiva Ribeiro, secretária-geral do Sindicato, ressalta que o descanso remunerado aos sábados e domingos é uma conquista da categoria que data de 1962. “Os bancários já enfrentam jornadas extenuantes nas quais a sobrecarga de trabalho, as péssimas condições de trabalho, situações de assédio e o adoecimento são cotidianas.” 

> Bônus, descontos e serviços exclusivos. Conheça as vantagens de ser sindicalizado

Após pressão do movimento sindical, o relator do projeto, senador Otto Alencar (PSD-BA), comprometeu-se a retirar a matéria da pauta de votação da Comissão de Assuntos Econômicos do Senado. 

“Recebi, hoje [24/04], os representantes da Associação Nacional dos Funcionários do Banco do Brasil (ANBB), Eduardo Machado Dias e Juliane Matos. Sou o relator do projeto (PLS 203/207), que tem como autor o senador Roberto Muniz. Ouvi atentamente as razões apresentadas pelos trabalhadores e resolvi retirar a proposta de pauta para melhor análise. O projeto tramita na Comissão de Assuntos Econômicos e revoga a regra que proíbe estabelecimentos de crédito de funcionarem aos sábados”, postou Otto Alencar em sua página do Facebook. 

“Qualquer tentativa de estender a jornada de trabalho para o fim de semana é absolutamente inadmissível. Por isso, os bancários devem lotar de e-mails e mensagens as caixas de entrada e as redes sociais dos senadores envolvidos nesse projeto de lei”, orienta Neiva. 


O e-mail do relator, senador Otto Alencar, é [email protected] O telefone do gabinete é (61) 3303-1464/1467 e é possível acessar ainda o facebook.com/ottoalencaroficial

Os contatos do autor do projeto, senador Roberto Muniz, são [email protected] e (61) 3303-6788/6790.

O site do Senado também mantém enquete sobre o tema
 



Voltar para o topo