Cinema

CineB: moradia é tema de sessões e debates em universidades

 “Era o Hotel Cambridge”, da diretora Eliane Caffé, aborda a questão habitacional na cidade de São Paulo; serão duas sessões acompanhadas de diálogos durante o mês de maio

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 07/05/2018 17:37 / Atualizado em 22/05/2018 18:34

A liderança da luta por moradia Carmen Silva, em cena do documentário. Ela participa de debate após a exibição do filme

Foto: Divulgação/Vitrine Filmes

O incêndio que destruiu, na madrugada de 1º de maio, o edifício Wilton Paes de Almeida, ocupado pelo movimento de moradia no Largo do Paissandu, centro de São Paulo, chamou a atenção do mundo para um dos maiores dramas da sociedade brasileira: o direito à moradia. A realidade das ocupações na maior cidade do Brasil é abordada no premiado Era o Hotel Cambridge, documentário em longa-metragem da cinesta Eliane Caffé, que será exibido pelo Projeto CineB, neste mês de maio.

>Sindicato recebe ajuda para desabrigados de prédio que desabou

O filme mostra refugiados recém-chegados ao país dividindo com brasileiros um velho edifício abandonado no centro da capital paulista. Além da tensão diária que a ameaça de despejo causa, os novos moradores do prédio terão que lidar com seus dramas pessoais e aprender a conviver com pessoas que, apesar de diferentes, enfrentam juntos a vida nas ruas.

“Em São Paulo, milhares de pessoas são obrigadas a viver em ocupações precárias porque não há, por parte do poder público, qualquer iniciativa que consiga resolver com dignidade e rapidez o imenso déficit habitacional que atinge a cidade. A especulação imobiliária e a concentração de renda impedem que trabalhadores e trabalhadoras tenham acesso a uma casa para morar com seus filhos, uma garantia constitucional”, ressalta Cidálio Vieira Santos, coordenador do CineB.

Sessões na Unisantana e FIAM/FAAM

Era o Hotel Cambridge será exibido em duas sessões do CineB Universidades. No dia 16 de maio, às 19h, os contemplados serão os alunos dos cursos de História e Comunicação (Jornalismo, Marketing e Tecnólogos) da Unisantana (Rua Voluntários da Pátria, 257/421), zona norte de São Paulo. A exibição acontecerá no Auditório I, no Bloco 1.

No dia 24, é sessão acontecerá no auditório do campus Morumbi da FIAM/FAAM (Avenida Morumbi, 501), zona sul de São Paulo, às 9h, para os alunos de Comunicação.

Ambas as exibições serão seguidas de debate com Carmem Silva, liderança de um dos movimentos por moradia na cidade de São Paulo, que é uma das personagens do documentário.

Quem não for aluno das universidades também pode participar. Basta fazer a reserva pelo e-mail [email protected] enviando nome, e-mail e telefone.

O projeto 

O CineB é uma parceria entre o Sindicato e a Brazucah Produções, que promove o acesso ao cinema nacional para a população de bairros periféricos da Grande São Paulo.

Desde 2007, o projeto já chegou a um público superior a 60 mil espectadores em mais de 480 sessões gratuitas realizadas em comunidades e universidades de São Paulo. A iniciativa busca democratizar o acesso ao cinema nacional e divulgar os filmes produzidos no Brasil.

Já foram exibidos na tela do CineB mais de 116 longas metragens e 73 curtas metragens, além da realização de pré-estreias exclusivas.



Voltar para o topo