Campanha 2018

Conferência Nacional dos Bancários é neste final de semana

Com centenas de delegados representando bancários de todo o país, principal encontro da Campanha Nacional Unificada debaterá estratégias de luta e aprovará a pauta de reivindicações da categoria a ser entregue à Fenaban

  • Andréa Ponte Souza, Redação Spbancarios
  • Publicado em 06/06/2018 14:18 / Atualizado em 11/06/2018 19:10

Arte: Contraf-CUT

A Campanha Nacional Unificada 2018 já vai começar. Nos dias 8, 9 e 10 de junho, na capital paulista, centenas de delegados representando bancários de todo o país e reunidos em sua 20ª Conferência Nacional debaterão estratégias de luta e aprovarão a pauta de reivindicações da categoria, a ser entregue à Fenaban (federação dos bancos).

Confira a programação

Dia 08 de junho: sexta-feira

14h às 20h – Credenciamento de delegados e delegadas.

15h – Reunião das correntes

19h – Abertura solene

Dia 09 de junho: sábado

08h às 13h – Credenciamento de delegados e delegadas.

09h às 9h30 – Votação do Regimento Interno

09h30 às 11h30 – Mesa 1 – Defesa da Democracia

11h30 às 13h30 – Mesa 2 - Defesa das Empresas Públicas – Bancos Públicos, Petrobras e Eletrobras

13h30 às 15h – Almoço

13h às 14h – Prazo para substituições de delegados e delegadas

15h às 17h30 – Mesa 3 – O Sistema Financeiro que Queremos

17h30 às 19h – Mesa 4 – O Brasil que queremos!

19h – Confraternização

Dia 10 de junho – domingo

10h às 14h - Propostas, resoluções e aprovação da minuta

Nova lei trabalhista

A presidenta do Sindicato, Ivone Silva, lembra que esta será a primeira campanha dos bancários após a entrada em vigor, em 11 de novembro de 2017, da nova lei trabalhista de Temer (Lei 13.467), que retira direitos dos trabalhadores e ameaça a Convenção Coletiva de Trabalho (CCT) da categoria. “Portanto, temos de estar mobilizados para defender a nossa CCT. Os bancos, com lucros cada vez maiores, não têm nenhuma justificativa para descumprir direitos.”

Ivone destaca dados dos balanços dos cinco maiores bancos (BB, Caixa, Itaú, Bradesco, Santander) que demonstram isso: “Juntos, eles lucraram R$ 20,6 bilhoes só no primeiro trimestre deste ano, um crescimento de 20,4% em relação ao mesmo período do ano passado. Ou seja, eles podem muito bem manter os direitos previstos na nossa CCT e construídos ao longo de décadas de muita negociação, pressão e greves.”

Fim da ultratividade

A presidenta do Sindicato lembra ainda que, a partir de 31 de agosto, todos esses direitos estão em risco: “Um dos pontos da lei trabalhista de Temer é o fim do princípio da ultratividade, que garantia a validade da CCT até a assinatura de um novo acordo. Ou seja, direitos como PLR, VA e VR, licenças maternidade e paternidade ampliadas, jornada de seis horas e todos os demais estarão em risco a partir de 31 de agosto, que é quando vence a nossa CCT. Por isso temos de estar mais do que nunca mobilizados, para exigir da Fenaban que cumpra a ultratividade e que respeite essas conquistas, que são fruto de décadas de luta”, diz.

Encontros por bancos

Tiveram início na quinta-feira 7 e vão até a sexta-feira 8 os encontros de bancos privados (Itaú, Bradesco e Santander), o 34º Conecef (Congresso Nacional dos Empregados da Caixa) e o 29º Congresso Nacional dos Funcionários do BB, que dibatem questões específicas de cada banco. Clique nos links abaixo e confira como foi o primeiro dia de encontros.  

> 29º Congresso dos Funcionários do BB ressaltou unidade
> Bancários do Bradesco debatem pauta de reivindicações 
> Momento é de resistência! Alerta ecoa na abertura do 34º Conecef
> Trabalhadores do Itaú definem minuta específica na manhã desta sexta
> Bancários do Santander iniciam encontro nacional

WEBTV: Campanha 2018 é destaque no MB

A Campanha Nacional Unificada 2018 é o tema do próximo Momento Bancário com a Presidenta, que vai ar nesta segunda 11 de junho. Ivone Silva recebe no programa de webtv do Sindicato, a presidenta da Contraf –CUT, Juvandia Moreira, além dos dirigentes sindicais do Banco do Brasil e da Caixa. Assista e compartilhe a partir das 18h canal do YouTube da TV dos Bancários (TVB), site do Sindicato e Facebook.

> MB aborda estratégias de luta e reivindicações dos bancários



Voltar para o topo