MB especial

Dúvidas sobre a Cassi?

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 19/06/2018 13:00 / Atualizado em 19/06/2018 15:16

A suspensão das negociações por parte da direção do Banco do Brasil e a apresentação de uma proposta arbitrária sobre custeio de sustentabilidade da Caixa de Assistência dos Funcionários do Banco do Brasil (Cassi) geraram insegurança entre os assistidos e trabalhadores da instituição financeira. 

O texto prevê mudanças que mexem não só em valores, mas também em direitos dos associados. Diante de tantas dúvidas dos associados, o Sindicato realizou nesta terça-feira, 18 de junho, um Momento Bancário especial, para abordar perspectivas, governança, sustentabilidade e direitos na Cassi.

Participaram dessa edição do programa Ernesto Izumi, secretário de Organização do Sindicato, João Fukunaga, membro da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, Diego Pereira, dirigente do Sindicato.  Eles defenderam a manutenção da solidariedade na Cassi para que não se onere os menores salários e nem que haja a possibilidade de cobrança por faixa etária; também não abrem mão da relação de custeio de 60% para o banco, e ainda exigem a governança compartilhada com representantes dos funcionários. Os dirigentes apostam em uma solução negociada e não à custa de direitos de associadas da ativa e aposentados.  

Assista, compartilhe e mande suas dúvidas. Inscreva-se no nosso canal no YouTube

Leia mais

Precisamos falar sobre Cassi

Cassi: eleita renuncia para fazer carreira 

> Bancários do BB analisam conjuntura e impactos da nova legislação

> Entidades cobram do BB retorno da mesa de negociação da Cassi 

Cassi: BB rompe mesa de negociação



Voltar para o topo