Fórum extrajudicial

Retomada CCV com o Banco do Brasil para 7ª e 8ª hora

Diretoria de Pessoas do banco havia informado que interrupção da Comissões de Conciliação Voluntária seria temporária; novas reuniões serão marcadas

  • Redação Spbancários
  • Publicado em 27/07/2017 17:38 / Atualizado em 27/07/2017 17:44

Arte: Marcio Baraldi

São Paulo – O Banco do Brasil informou ao Sindicato que irá retomar as Comissões de Conciliação Voluntária (CCV) para requerimento da 7ª e 8ª hora para o pessoal da ativa. O processo havia sido suspenso de modo unilateral no início deste mês.

A CCV é um fórum extrajudicial facultativo que possibilita ao funcionário pleitear verbas salariais e outros direitos trabalhistas sem a necessidade de recorrer à Justiça. “Trata-se de uma importante ferramenta para reconciliação, principalmente no que diz respeito à questão da 7ª e 8ª horas para os cargos de assistente, analista e assessor”, explicou Renato Augusto Carneiro, dirigente do Sindicato e funcionário do BB.

A Comissão de Empresa dos Funcionários do BB, através do dirigente João Fukunaga, recebeu uma notificação do banco, liberando a marcação de novas CCVs. Mesmo durante o período de suspensão, o Sindicato continuou realizando protocolo com pedidos dos bancários, conforme havia sido combinado com o banco, para não prejudicar os trabalhadores na contagem de tempo para prescrição. Assim que o BB der resposta sobre os pedidos enviados, novas reuniões serão marcadas.

Justificativa – Ao tomar conhecimento da suspensão, o Sindicato enviou um ofício cobrando esclarecimentos à Diretoria de Pessoas (Dipes). Em resposta, foi informado que a interrupção seu deu para a realização de planejamento das sessões, devido à elevada demanda no semestre passado. Ainda de acordo com o comunicado, o objetivo era garantir “os padrões usuais de atendimento e prazo”.



Voltar para o topo