Emprego

Sindicato esclarece dúvidas sobre PDVE do Bradesco

Interessados devem fazer agendamento para os atendimentos, programados para a sede do Sindicato e na Regional Osasco; em caso de pressão para adesão, denuncie ao Sindicato

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 18/07/2017 15:23 / Atualizado em 07/08/2017 19:15

Foto: Juca Varella / Arquivo Seeb-SP

São Paulo – O Bradesco anunciou no dia 13 de julho um Plano de Desligamento Voluntário Especial (PDVE). Face a isso, o Sindicato preparou um plantão de esclarecimentos aos bancários sobre o que envolve a adesão ao plano. Os interessados devem fazer agendamento via WhatsApp pelo 97593-7749 ou ligando para o 3188-5200 e os atendimentos serão na sede do Sindicato (Rua São Bento, 413) e na Regional Osasco (Rua Pres. Castelo Branco, 150). Mas atenção: não haverá atendimento sem agendamento prévio.

A secretária-geral do Sindicato, Neiva Ribeiro, explica que a diretoria buscou informações para orientar os trabalhadores e o departamento jurídico analisou minuciosamente o programa, com o objetivo de esclarecer sobre as consequências da decisão tanto do ponto de vista legal, quanto previdenciário ou da saúde do funcionário.

> Não tem de haver anuência do Sindicato no PDVE
> Bancários tiram dúvidas sobre PDVE em plenária em Osasco

"Apesar da surpresa e de lutarmos por uma política em defesa do emprego e por mais contratações, o Sindicato vai prestar toda assistência ao bancário para auxiliá-lo em sua decisão”, afirmou Neiva.

No anúncio feito no dia 13, o Bradesco não informou a meta de número de funcionários a serem alcançados pelo PDVE. O Sindicato orienta os trabalhadores de que a adesão deve ser de fato voluntária e que qualquer tipo de pressão deve ser denunciada por intermédio do Fale Conosco.

Regras – São elegíveis ao plano todos os bancários que já estejam aposentados pelo INSS, ou que estejam aptos a requerer o benefício previdenciário da aposentadoria por idade ou tempo de contribuição, integral ou proporcional, até 31 de agosto de 2017. No caso dos trabalhadores de departamentos e coligadas, a única exigência é tempo mínimo de trabalho de 10 anos no Bradesco ou em empresas incorporadas.



Voltar para o topo