Taça Bancária

Penha de França dispara no fim e leva o bi no futsal

Em final equilibrada, a equipe marcou quatro gols nos minutos finais e venceu o Los Bancários por 6 a 1 na decisão da Taça Bancária deste ano; Bruno fez três e abocanhou também os troféus de artilheiro e Bola de Ouro

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 20/09/2017 12:05 / Atualizado em 20/09/2017 12:39

Festa do Penha de França na Quadra dos Bancários

Foto: Edson Piva

São Paulo - Tudo levava a crer que seria uma final equilibrada, e foi, apesar do placar. O Penha de França fez 6 a 1 no Los Bancários e levantou pela segunda vez a Taça Bancária de Futsal do Sindicato. O placar da decisão apontava 2 a 1 até os cinco minutos finais, quando o Los Bancários foi para o tudo ou nada e acabou sendo goleado. Foi na Quadra dos Bancários, no sábado 16.

Bruno foi o cara do jogo, balançando a rede três vezes, o que lhe rendeu também os troféus de artilheiro e Bola de Ouro.

Os dois melhores times do campeonato chegaram à decisão credenciados. Invictos e sobreviventes do grupo da morte, já haviam se encontrado em um jogaço que acabou empatado por 6 a 6 logo na estreia da competição. Tinham em suas fileiras dois dos três principais goleadores da competição, também os dois melhores jogadores do campeonato: Bruno e Elói.

Elói acabou premiado com a Bola de Prata.

Bruno, do Penha, foi o Bola de Ouro e o artilheiro (Foto: Edson Piva)


Junto com as equipes entrou em quadra muita tradição nos torneios dos bancários. O Penha, por exemplo, disputou a sétima final da taça de futsal de São Paulo – venceu também em 2013 – e o Los Bancários já conquistou as duas outras taças dos bancários – o society de São Paulo e o de Osasco. Queria completar o 'Grand Slam' e se igualar ao Cerveja & Cia e ao Caidera. 

Contra-ataque Quem abriu o placar foi Rafael para o Penha no único gol do primeiro tempo. Bruno fez o segundo no começo da etapa final, e Roberto descontou para o Los Bancários quando faltavam dez minutos. Atrás do marcador e ainda vivíssimo, o Los Bancários foi para o tudo ou nada, inclusive com goleiro-linha, mas acabou tomando quatro gols nos últimos cinco minutos. Carlos, Bruno (2) e Douglas fecharam a conta.

"O placar foi elástico, mas o jogo foi parelho. O Penha se aproveitou dos contra-ataques e conseguiu ampliar a vantagem quando o Los Bancários foi obrigado a arriscar", comenta Edson Piva, organizador do campeonato. "Os dois times, bem como todas as equipes participantes do torneio, estão de parabéns. Foram quase três meses de disputa, futebol bem jogado, rivalidade e, principalmente, integração por meio do esporte."

Time dos Los Bancários (Foto: Edson Piva)


Terceiro lugar Na decisão do terceiro lugar, antes da final, o Família fez 10 a 2 no DZL e ficou com o troféu. Rodrigo, do Família, acabou também como o goleiro menos vazado da competição com média de 2,5 gols por jogo (15 em 6 partidas). A performance garantiu ainda a Bola de Bronze do torneio. O troféu Fair Play foi para o Passou o Rodo.

Fome de Bola Logo após a decisão, muita festa em quadra, na distribuição dos troféus e medalhas, e também fora dela, com uma confraternização entre todos os participantes do campeonato. O assunto principal já era o próximo torneio marcado: X Copa Society de Osasco. Ou seja, em outubro começa tudo de novo.



Voltar para o topo