Bradesco

Bradesco afirma não ter plano de cortes

Sindicato procurou a empresa diante de informação veiculada à imprensa sobre fechamento de agências

  • Publicado em 01/12/2016 15:58
Redação Spbancarios
1º/12/2016


São Paulo - “O Bradesco não tem plano de cortes.” A afirmação foi feita pela direção do banco após o Sindicato cobrar explicações sobre o fechamento de agências, anunciado pelo presidente da instituição, Luiz Carlos Trabuco, em reunião com investidores no dia 24. “Existe uma certa sobreposição [de agências], mas o que vai decidir [o que será feito com as agências] serão os balancetes”, disse também  Trabuco, em reportagem da Folha de S.Paulo.

Ao Sindicato, a direção do banco informou que a prática é avaliar agências deficitárias, que não se pagam. Após a aquisição do HSBC, o Bradesco passou a somar 5.337 unidades. O número é maior que Itaú e Santander. O lucro, com a compra, bateu a casa dos R$ 12,736 bi.

“Estamos acompanhando todo esse processo de perto e vamos continuar acompanhando”, afirma a diretora do Sindicato, Erica de Oliveira. “Após a compra do HSBC, o Bradesco assumiu compromissos com o movimento sindical, de manutenção de direitos e empregos bancários e não vamos aceitar perdas para os trabalhadores.”


Voltar para o topo