Trapaça

Veja o que o governo não conta sobre a reforma da Previdência

Reunimos algumas das maiores patifarias que o governo Temer e sua base aliada no Congresso escondem sobre a PEC 287, e de todos esses fatos resta uma certeza: as altas aposentadoria continuarão intocadas, os bancos vão aumentar seus lucros e os prejudicados serão os trabalhadores e os mais pobres

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 14/12/2017 12:57 / Atualizado em 27/12/2017 17:23

Ministro da Fazenda, o banqueiro Henrique Meirelles, e Michel Temer

Foto: Beto Barata/PR/Fotos Públicas

São Paulo - Ao contrário do que diz a turma de Temer, a PEC 287 não vai mexer nas altíssimas aposentadorias do Judiciário e do Legislativo, nem dos militares. Querem acabar com a sua, mas a deles continuará intocada.

> Governo deve votar reforma da Previdência em fevereiro, e centrais mantêm estado de greve

Você sabia que a dívida de grandes empresas, principalmente dos bancos, é maior do que o "rombo" que o governo alega existir na Previdência? Aliás, o cálculo do suposto déficit da Previdência é outro embuste deslavado (cartilha do Sindicato mostra que não há rombo). Confira abaixo (em arte feita para a Folha Bancária) essas e outras patifarias do governo e sua base aliada no Congresso e se junte à mobilização contra o fim da sua aposentadoria. O governo está com dificuldade de conseguir os 308 votos necessários na Câmara para aprovar a PEC, pois os deputados, de olho nas eleições de 2018, sabem que podem não se reeleger com medida tão impopular. Então não perca tempo e mande um claro recado aos parlamentares pelo site Na Pressão: se votar, não volta!

 



Voltar para o topo