Exploração

Com lucros recordes em 2017, bancos extinguiram quase 18 mil empregos

Itaú, Bradesco e Santander tiveram receita de R$ 53,8 bilhões no ano passado, crescimento de mais de 15% em relação a 2016

  • Brasil de Fato, com edição Redação Spbancarios
  • Publicado em 07/02/2018 19:27 / Atualizado em 07/02/2018 19:41

Foto: Pixabay

São Paulo – Os três maiores bancos privados do Brasil – Itaú, Bradesco e Santander – tiveram, juntos, lucro líquido de R$ 53,8 bilhões em 2017. A cifra representa um crescimento de mais de 15% em relação ao ano anterior. Somente o Itaú alcançou o maior lucro de uma instituição financeira na história do Brasil: R$ 24,8 bilhões. A reportagem é do Brasil de Fato, leia na íntegra.

Por outro lado, o setor bancário cortou quase 18 mil postos de trabalho. É o que lembra Ivone Silva, presidenta do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região.  

“O setor bancário fechou 17.905 postos de trabalho em 2017, de acordo com dados do Caged [Cadastro Geral de Empregados e Desempregados]. Para ajudar o Brasil a crescer, o setor bancário precisa começar a retribuir a sociedade, praticando juros civilizados, elevando a oferta de crédito, melhorando o atendimento à população através de contratações e contribuindo para melhorar as relações de trabalho e a estrutura salarial num país que ainda figura no topo do ranking mundial de desigualdade de renda”, diz Ivone.



Voltar para o topo