Pular para o conteúdo principal

Saiu do BB? Fique na Previ

Linha fina
Funcionários do Banco do Brasil que aderiram ao Programa de Adequação de Quadros (PAQ) e ao Programa de Desligamentos Extraordinários (PDE) do BB, em fevereiro deste ano, podem fazer a portabilidade para o Previ Família, garantindo toda a reserva patronal
Imagem Destaque
Reprodução

Os mais de cinco mil funcionários do Banco do Brasil que aderiram ao Programa de Adequação de Quadros (PAQ) e ao Programa de Desligamentos Extraordinários (PDE), em fevereiro deste ano, e que por ventura só precisarão dos recursos acumulados no plano de benefícios na Previ no médio e longo prazo, podem fazer a portabilidade para o Previ Família, garantindo toda a reserva patronal. 

Ao optar pela portabilidade do Previ Futuro ou Plano 1 para o Previ Família, o associado passa a fazer parte de um plano mais flexível, dentro das suas possibilidades, e continua a contar com a segurança e experiência da Previ na gestão do seu patrimônio.

O associado também pode utilizar parte do seu saldo para quitar eventuais dívidas de Empréstimos Simples e Financiamento Imobiliário do seu plano atual e garantir o retorno da parte patronal depositada pelo BB.

“A Previ oferece a maior solidez do mercado. Garantir esta qualidade aos participantes que saíram é um benefício exclusivo dos funcionários do BB. Ótima opção para quem quer manter rentabilidade e segurança de seu patrimônio”, enfatiza o dirigente sindical e bancário do BB Davi Basso. 

Planos de saúde

O diretor do Sindicato e bancário do BB, Ernesto Izumi, alerta que os associados do Economus que pretendem continuar com o plano de saúde Novo Feas na aposentadoria precisam manter um benefício previdenciário complementar, sob risco de serem excluídos do plano de saúde, conforme o estatuto e regulamento dos planos. 

“Por isso, não é recomendável nesse caso fazer a portabilidade. A decisão cabe ao associado do Economus, mas alertamos o bancário a avaliar com cuidado e consultar a entidade. Os associados à Previ também devem prestação atenção, pois se não tiverem um benefício complementar pela entidade, terão de arcar com a cota patronal no pagamento do plano Cassi, aumentando sua contribuição mensal. Independentemente do plano de previdência, todos devem ter cautela", alerta Ernesto. 

Vantagens da portabilidade para o Previ Família:

· Taxa zero de carregamento e taxa de administração a partir de 0,98% ao ano, decrescente conforme o saldo acumulado

· Contribuições mensais a partir de R$ 100

· Flexibilidade para efetuar resgates parciais após três anos de filiação e solicitar benefícios a partir de 5 anos de filiação

· Possibilidade de resgate do saldo portado (pessoal + patronal) após três anos de vinculação ao plano

Como fazer a portabilidade: 

1) Inscreva-se em www.previfamilia.com.br ou no App Previ;

2) Baixe o Termo de Portabilidade para o Previ Família, preencha e envie para [email protected].

A Previ disponibiliza algumas possibilidades para que você permaneça no plano:

- Autopatrocínio: você mantém o pagamento das contribuições pessoais e patronais.

- Benefício Proporcional Diferido: há a suspensão do pagamento das contribuições. 

Atendimento jurídico na reestruturação 

Os bancários do Banco do Brasil demitidos podem realizar junto ao Sindicato o pedido de ingresso na na Comissão de Conciliação Prévia (CCP) através de formulário online (CLIQUE AQUI). 

Já os que perderam sua função de caixa ou comissão podem solicitar atendimento sindical e jurídico CLICANDO AQUI. No caso de bancários que ainda não foram demitidos e solicitaram ao banco inclusão no PAQ ou PDE, o Sindicato presta orientações jurídicas (CLIQUE AQUI). Em ambos os casos, um dirigente sindical retorna a solicitação em até 24h.