Central de Atendimento

ou whatsapp (11) 97593-7749
queremos reunião!

Coronavírus: Sindicato volta a cobrar C6 Bank sobre demissões

Entidade reivindica realização de reunião para tratar das dispensas promovidas pelo banco em meio à pandemia de covid-19

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 08/04/2020 10:22 / Atualizado em 08/04/2020 13:46

Montagem: Linton Publio

O Sindicato dos Bancários voltou a cobrar o C6 Bank sobre as demissões promovidas pelo banco em meio à pandemia causada pelo coronavírus (covid-19). A entidade recebeu uma série de denúncias de bancários que foram dispensados pela instituição financeira.

O jornal Valor Econômico publicou na sexta-feira 3 que mais de 60 bancários foram demitidos, ou 8% do quadro de funcionários.

Além de estar na contramão das instituições financeiras como Santander e Itaú, que se comprometeram em mesa de negociação a não demitirem funcionários durante a pandemia, o C6 Bank sequer procurou a Sindicato para informar sobre as demissões e o motivo.

“Não sabemos se os desligamentos foram em razão da pandemia de covid-19, porque não houve diálogo com o Sindicato”, afirma Neiva Ribeiro, secretária-geral do Sindicato.

O Sindicato enviou comunicado a todas as instituições financeiras, incluindo fintechs, buscando a ampliação do diálogo realizado no Comitê de Crise da Fenaban a fim de propor medidas que garantam a saúde, a segurança de trabalhadores e clientes, assim como a proteção do emprego e os direitos. 

Sindicato tem buscado soluções junto aos bancos desde o início da pandemia
Coronavírus: bancários foram primeira categoria a se mobilizar por medidas de proteção 
Coronavírus: bancos se comprometem a manter quarentena

Além das normas e itens de segurança adotados durante a pandemia para agências e departamentos bancários, o Sindicato cobra neste comitê a suspensão das metas e das demissões em todo o setor durante o combate à pandemia.

“Queremos atravessar este período com o menor prejuízo possível para todos, principalmente os trabalhadores, que são a parte mais frágil na relação capital X trabalho. Por isso insistimos em um diálogo, e o Sindicato deve fazer parte das negociações para enfrentar a crise. Estamos cobrando exatamente isso do C6 Bank”, afirma Neiva.

“Se o banco, financeira ou fintech onde você trabalha estiver demitindo, entre em contato com o Sindicato”, orienta a dirigente.

Procure o Sindicato

O Sindicato está monitorando todos os locais de trabalho e alertando os bancários. Como as informações estão sendo atualizadas constantemente, deixamos aqui nossos canais de comunicação.

 

 

> Está com um problema no seu local de trabalho ou seu banco não está cumprindo o acordado? CLIQUE AQUI e deixe seu contato que vamos te ligar 

> Central de Atendimento - você pode falar conosco via chat  ou solicitação via formulário 

Em tempo real - Entre nessa página especial do nosso site para saber todas as notícias sobre o coronavírus (Covid-19) 

> Redes Sociais - nossos canais no Facebook e Twitter estão abertos, compartilhando informações do Sindicato e de interesse da sociedade sobre a pandemia.

> Quer receber notícias sobre o seu banco? Cadastre-se em nossa newsletter e receba em seu e-mail



Voltar para o topo