Desmonte

Guedes quer vender BB para os EUA

Em viagem aos Estados Unidos, ministro da Economia diz que fundir estatal brasileira com Bank of America é bom para o país

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 20/05/2019 17:39 / Atualizado em 20/05/2019 18:01

Foto: Fabio Rodrigues Pozzebom/Agência Brasil

O ministro da Economia, Paulo Guedes, deu mais um indício de que o projeto do governo Jair Bolsonaro é de desmontar e vender os bancos públicos do país. Em discurso nos Estados Unidos, na última semana, Guedes disse que pretende entregar o Banco do Brasil ao Bank of America, nos moldes do que foi feito "entre a Embraer e Boeing”.

“Vamos procurar fazer uma fusão entre o Banco do Brasil e o Bank of America. São bancos bons para empréstimos agrícolas. Já fizemos uma nova relação entre a Embraer e Boeing. Vamos construir empresas transnacionais. Vamos ultrapassar as nossas fronteiras na procura de melhores oportunidades econômicas”, disse o ministro.

> BB lucra R$ 4,2 bilhões no 1º trimestre

Antes de tomar posse, ele já tinha indicado esta intenção, dizendo que uma fusão abriria as portas para o banco americano atuar no Brasil e aumentaria a competição no setor bancário.

"Esta gestão nunca escondeu o que pretende fazer com o Banco do Brasil e com os demais bancos públicos: é vender, desmontar e privatizar. Os ataques ao patrimônio de todos os brasileiros trará consequências nefastas, e que serão sentidas pelos mais pobres, já que afetaria o financiamento da agricultura, a habitação popular e os programas sociais, por exemplo", disse o coordenador da Comissão de Empresa dos Funcionários do BB e diretor do Sindicato, João Fukunaga.

"Por isso que temos de continuar mobilizados enquanto categoria bancária para impedir que este e outros avanços contra os interesses dos brasileiros saiam do papel", finaliza.



Voltar para o topo