Pular para o conteúdo principal

Circuito Banco do Brasil de Corrida é palco de protesto do Sindicato

Linha fina
Dirigentes cobraram negociação e denunciaram aos atletas e expectadores a situação preocupante da Cassi e do Economus, planos de saúde dos bancários e que têm o Banco do Brasil como patrocinador
Imagem Destaque
Foto: Seeb-SP

O Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região protestou durante o Circuito Banco do Brasil de Corrida para cobrar negociações sobre a situação delicada da Cassi e do Economus, os planos de saúde dos funcionários do banco. Cartazes, faixas e bandeiras foram utilizadas no evento realizado no domingo 18, em São Paulo, para chamar a atenção para os problemas que envolvem os convênios médicos que têm o Banco do Brasil como patrocinador.

Assine o boletim eletrônico com notícias específicas do Banco do Brasil
Sindicalize-se e fortaleça a luta em defesa dos direitos dos bancários

A Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) declarou intervenção na Cassi, que é responsável pela saúde de 400 mil vidas. Em 2019 o Sindicato apoiou a aprovação da proposta de negociação entre BB e funcionários, mas o percentual ficou abaixo do exigido pelo estatuto.

Além disso, a direção da Cassi deu mostras de estar legitimando as medidas do Banco do Brasil que ameaçam a existência da caixa de Assistência.  Comunicado divulgado pela direção defende os 4,5% como limite para o patrocinador, e ainda sinaliza que o banco não tem a intenção de colocar mais recursos, o que exige mais mobilização dos funcionários. 

Déficit suspeito no Economus

Já o Economus enfrenta uma grave crise financeira, o que motivou o movimento sindical a colher assinaturas para denunciar ao Ministério Público Federal pedindo apuração das responsabilidades pelas “irregularidades causadoras do agravamento do déficit”, e cobrando a restituição dos recursos, em regime de urgência.  

O Economus engloba o fundo de pensão dos funcionários do extinto banco Nossa Caixa e o Feas, plano de saúde dos aposentados do banco público paulista, incorporado pelo Banco do Brasil em 2009.  

Em janeiro de 2019, a governança do Economus aprovou o reajuste dos valores mínimos (pisos) das mensalidades do plano Feas.

Plenária realizada pelo Sindicato no fim de maio com funcionários e aposentados explicou a situação delicada do Economus, bem como as medidas do movimento sindical na sua defesa.  A coleta do requerimento enviada ao MPF foi aprovada nessa plenária.

No início de julho, cerca de 200 participantes do Economus realizaram manifestação na Avenida Paulista para marcar o recebimento de mais de dois mil requerimentos reivindicando que o Ministério Público Federal apure as responsabilidades dos causadores do agravamento do déficit no fundo de pensão e do Feas.

Defesa da Cassi

A defesa da Cassi e sua cobertura para todos foi uma das resoluções do 30º Congresso dos Funcionários do Banco do Brasil. Um calendário de lutas em defesa da caixa de assistência foi definido no Congresso.

Nesta ‪quinta-feira 22 de agosto‬ será realizado Dia de Luta pela Cassi. Ainda estão previstas Plenárias e atividades em locais de trabalho e um encontro nacional. Também será realizado abaixo-assinado contra a cobrança de ‪1/24‬ avos acumulado e aumento da coparticipação na Cassi.

“Os funcionários estão muito preocupados com os planos. O Sindicato está convocando todos a participarem a participarem dos eventos. Só a mobilização pode garantir os planos”, alerta Ernesto Izumi, diretor executivo do Sindicato e bancário do Banco do Brasil.