Pular para o conteúdo principal
Chapéu
funcionários apreensivos

Santander faz novas alterações na função dos Gerentes Administrativos, e Sindicato quer ouvir trabalhadores

Imagem Destaque
Fachada do banco Santander, com seu logo

O presidente do Santander, Sérgio Rial, informou que haverá novas alterações na função dos Gerentes Administrativos (GA). A declaração, feita na semana passada, no podcast “Café com Rial”, chegou de forma distorcida na rede de agências, gerando muita apreensão entre os trabalhadores.

Atualmente o Santander vem implantando, em ao menos 50 agências de porte D do país, o modelo remoto de atividades que antes eram dos GAs. O novo cargo criado para atuar remotamente recebeu a nomenclatura de Analista de Processos, que passou a ter controle de jornada – uma reivindicação do movimento sindical.

Não houve desligamento de Gerentes Administrativos nessas 50 agências. Alguns foram remanejados para outros cargos, e algumas agências já não tinham GAs exclusivos. O modelo deve ser expandido gradualmente para as demais unidades.

O RH do Santander informou que não há previsão de extinção do cargo “em um período próximo”. O que existe, segundo o banco, é uma modificação nas funções e responsabilidades.

Este cargo já vem sofrendo alterações significativas nas suas funções, pelo menos desde 2017, seja por conta da automação, ou devido à revisão de processos internos do banco. Com essas alterações, algumas funções deixaram de ser responsabilidade deste cargo, e novas atribuições foram inseridas.

É muito importante que os trabalhadores impactados com as novas mudanças informem ao Sindicato (veja canais abaixo, ou por meio de um dirigente sindical) os problemas e as dificuldades decorrentes do novo modelo, que envolvam treinamento, fluxo de trabalho ou metas. A entidade permanecerá reivindicando a realocação dos GAs que possam ficar sem função, e também treinamento adequado para que exerçam as novas atribuições.

“O Santander está testando o modelo, e o movimento sindical está atento a esses impactos. Por isso, queremos e precisamos ouvir os trabalhadores envolvidos, para que possamos indicar ao banco possíveis problemas.”

Lucimara Malaquias, diretora do Sindicato e coordenadora da COE Santander

Procure o Sindicato

O Sindicato está monitorando todos os locais de trabalho e alertando os bancários. Como as informações estão sendo atualizadas constantemente, deixamos aqui nossos canais de comunicação.

Está com um problema no seu local de trabalho ou seu banco não está cumprindo o acordado? Deixe seu contato que vamos te ligar 

Central de Atendimento - você pode falar conosco via chat  ou solicitação via formulário ou whatsapp.

 Em tempo real - Entre nessa página especial do nosso site para saber todas as notícias sobre o coronavírus (Covid-19) 

Redes Sociais - nossos canais no Facebook e Twitter estão abertos, compartilhando informações do Sindicato e de interesse da sociedade sobre a pandemia.

Quer receber notícias sobre o seu banco? Cadastre-se em nossa newsletter e receba em seu e-mail.

seja socio