Pular para o conteúdo principal
Chapéu
Pandemia

Covid-19: Sindicato protesta contra falhas de protocolo em agência do Bradesco

Imagem Destaque
O dirigente Paulo Sobrinho no protesto da agência do Bradesco

O Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região realizou um protesto em uma agência do Bradesco, nesta quinta-feira 6, contra a demora para a aplicação dos protocolos em caso de trabalhadores com diagnóstico positivo para Covid-19. Além da morosidade na aplicação dos protocolos, a entidade tem recebido denúncias apontando que, em muitos locais de trabalho, bancários que tiveram contato com colegas que testaram positivo para Covid-19 precisam voltar ao trabalho antes mesmo do resultado do próprio teste.

“É inadmissível o descumprimento dos protocolos para Covid-19 nos locais de trabalho. Temos de redobrar os cuidados com a chegada da nova variante do Coronavírus, a Ômicron, mais transmissível, e que já é responsável por mais da metade dos casos da doença em São Paulo, junto com o atual surto de Influenza e seu subtipo H3N2. É preciso ter responsabilidade com a saúde e a vida de trabalhadores e clientes”

Paulo Sobrinho, dirigente do Sindicato e bancário do Bradesco

> Bancários do Bradesco, atenção ao protocolo em caso de suspeita de Covid-19

“O nosso protesto foi muito bem recebido, inclusive pela população presente no local, uma vez que existe a consciência de que as necessárias medidas de prevenção devem ser cumpridas não só para proteger os trabalhadores, mas também clientes e a sociedade como um todo”, acrescenta. 

O dirigente do Sindicato orienta que bancários com suspeita de contaminação avisem ao gestor e não voltem ao trabalho até sair o resultado negativo da testagem, lembrando que qualquer funcionário pode ligar diretamente para o Viva Bem, caso tenha suspeita ou caso confirmado de Covid-19. “O bancário que for pressionado de qualquer forma para voltar antes do resultado, ameaçado com metas, seja pelo gestor ou pelas regionais, deve denunciar ao Sindicato. O sigilo é garantido.”

“Estamos cobrando as providências junto ao banco, para que resolvam essa situação que coloca a vida de todos em risco. O Viva Bem dá o suporte ao local quando tem algum caso positivo de Covid-19, mas com o aumento repentino de casos, a demanda alta, o protocolo tem demorado a ser aplicado e isso precisa ser resolvido. Não podemos aceitar que o protocolo demore a ser aplicado. Teve caso de Covid-19 confirmado, precisa ser averiguado pelo banco para que as vidas dos funcionários e clientes sejam preservadas”, conclui Paulo. 

Suspeita de Covid-19 ou Influenza no local de trabalho? Informe ao Sindicato!

Caso o bancário identifique algum caso suspeito de Covid-19 ou Influenza, e seu subtipo H3N2, no seu local de trabalho, ou ele mesmo esteja com suspeita ou confirmação de contaminação, deve informar ao Sindicato dos Bancários e Financiários de São Paulo, Osasco e Região (preencha o formulário). Desta forma, o Sindicato pode atuar junto ao banco para garantir que todos os protocolos de prevenção sejam devidamente respeitados, mensurar a situação da pandemia e do surto de gripe na categoria, e cobrar as providências cabíveis do setor público. 

Procure o Sindicato

O Sindicato está monitorando todos os locais de trabalho e alertando os bancários. Como as informações estão sendo atualizadas constantemente, deixamos aqui nossos canais de comunicação.

Está com um problema no seu local de trabalho ou seu banco não está cumprindo o acordado? Deixe seu contato que vamos te ligar 

Central de Atendimento - você pode falar conosco via chat  ou solicitação via formulário ou whatsapp.

 Em tempo real - Entre nessa página especial do nosso site para saber todas as notícias sobre o coronavírus (Covid-19) 

Redes Sociais - nossos canais no Facebook e Twitter estão abertos, compartilhando informações do Sindicato e de interesse da sociedade sobre a pandemia.

Quer receber notícias sobre o seu banco? Cadastre-se em nossa newsletter e receba em seu e-mail.

seja socio