Pular para o conteúdo principal
Chapéu
Covid-19

Caixa Federal: gestantes não são obrigadas a voltar ao trabalho presencial!

Imagem Destaque
A dirigente sindical e empregada da Caixa Tamara Siqueira durante protesto em agência da Caixa

O Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e regiã cobrou a direção do banco a respeito do novo protocolo Covid-19 divulgado esta semana. O documento gerou reclamações de empregados, já que muitos passaram a receber orientação dos gestores sobre o dia em que deveriam retornar.

Diante disto, nesta sexta-feira 8 a representação dos empregados entrou em contato com a gerência de relações trabalhistas, em Brasília, que afirmou que o retorno não é obrigatório, e que deverá levar em conta a necessidade de cada gestão.

“Em muitas áreas os próprios gestores já relataram aumento de produtividade dos colegas que ficaram em projeto remoto. Por isso não tem por que colocar empregados em risco, sobretudo gestantes e demais colegas mais suscetíveis à formas graves de Covid-19 para utilizarem transporte público em um momento em que a pandemia ainda não acabou” enfatiza a dirigente sindical e empregada da Caixa Tamara Siqueira.

O Sindicato orienta às gestantes, empregados do grupo de risco para a Covid-19 e demais colegas que se sentirem pressionados a retornarem ao trabalho a entrarem em contato com a entidade, por meio de um dirigente sindical ou pelos canais indicados ao final da matéria.

Merece destaque que, diferentemente de outros bancos, a direção da Caixa, atualmente, tem se caracterizado pela falta de diálogo com relação aos protocolos de retorno ao trabalho.

“É inadmissível que gestantes e empregados do grupo de risco sejam pressionados a retornar ao trabalho presencial. A direção da Caixa tem o dever e a responsabilidade de zelar pela prevenção das vidas de todos os seus empregados, sobretudo dos mais vulneráveis à Covid-19.”

Tamara Siqueira, dirigente sindical e empregada da Caixa

A dirigente ressalta que a gestação é importante para toda sociedade. Apesar de ser uma tarefa naturalmente das mulheres todos devem ser responsáveis, tanto os homens quanto as instituições.

As gestantes que forem pressionadas a retornar ao trabalho presencial devem comunicar o sindicato e não aceitar a pressão.

Procure o Sindicato

O Sindicato está monitorando todos os locais de trabalho e alertando os bancários. Como as informações estão sendo atualizadas constantemente, deixamos aqui nossos canais de comunicação.

Está com um problema no seu local de trabalho ou seu banco não está cumprindo o acordado? Deixe seu contato que vamos te ligar 

Central de Atendimento - você pode falar conosco via chat  ou solicitação via formulário ou whatsapp.

 Em tempo real - Entre nessa página especial do nosso site para saber todas as notícias sobre o coronavírus (Covid-19) 

Redes Sociais - nossos canais no Facebook e Twitter estão abertos, compartilhando informações do Sindicato e de interesse da sociedade sobre a pandemia.

Quer receber notícias sobre o seu banco? Cadastre-se em nossa newsletter e receba em seu e-mail.

seja socio