Mobilização

Ocupar as ruas nesta terça 13 por direitos

Em vídeo, secretária-geral do Sindicato, Neiva Ribeiro, convida para a mobilização contra a reforma da Previdência e os ataques do governo aos trabalhadores e estudantes

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 12/08/2019 14:00 / Atualizado em 13/08/2019 12:41

Estudantes e trabalhadores de diversas categorias farão protestos nesta terça-feira 13 em várias cidades do país contra a reforma da Previdência, aprovada na Câmara dos Deputados na madrugada do dia 7 de agosto, o desmonte da educação, das empresas públicas e demais ataques do governo federal à classe trabalhadora.

Ao longo do dia, o Sindicato dos Bancários de São Paulo, Osasco e Região fará atividades em diversos bairros e em centros administrativos dos bancos para alertar os trabalhadores sobre o que está em risco com a aprovação da PEC 6/2019. À tarde, o Sindicato estará presenta na Avenida Paulista, onde haverá ato, com concentração às 16h, em frente ao Masp.

> A cobertura das atividades e do ato à tarde, em São Paulo, você pode acompanhar pelas redes sociais do Sindicato: facebook.com/spbancarios e twitter.com/spbancarios
> Acompanhe também pelo minuto a minuto da CUT 

No vídeo, a secretária-geral do Sindicato, Neiva Ribeiro, reforça que, apesar da derrota para trabalhadores na Câmara, o movimento sindical continuará mobilizado para impedir que este retrocesso avance no Senado.

“Continuaremos mobilizados, discutindo com os trabalhadores a pressionar os senadores a votar contra essa reforma que retira direitos dos trabalhadores, fazendo com que homens e mulheres trabalhem por mais tempo e tenham uma média salarial quando chegarem à aposentadoria menor do que é hoje”, afirma.

Neiva lembra, ainda, que o Sindicato também enviou representantes para a Marcha das Margaridas, que acontece nos dias 13 e 14, em Brasília, na luta por igualdade, autonomia e liberdade para as mulheres.

O Portal da Câmara dos Deputados está transmitindo, ao vivo, a sessão solene em homenagem às Margaridas (veja abaixo).

> Presidente da CUT, Vagner Freitas, convoca todos às ruas

Estudantes prometem novo tsunami

Mulheres indígenas e estudantes marcham em Brasília

Os estudantes prometem ir às ruas de todo o país e repetir as manifestações de maio, que ficaram conhecidas como tsunamis da educação. Em seu site, a União Nacional dos Estudantes (UNE) convoca para as ruas: "O tsunami estudantil que ocupou as ruas de todo país nos dias 15 e 30 de maio, volta agora no dia 13 de agosto para mostrar que a luta não para. A União Nacional dos Estudantes convoca todos os jovens a mostrarem sua indignação contra os cortes na educação, saírem em defesa da autonomia universitária e contra o projeto Future-se do MEC, que pretende terceirizar o financiamento da educação pública ao mercado."

Em algumas cidades do Norte e Nordeste as manifestações já começaram, como Belém (PA) e Salvador (BA). Em Brasília, onde milhares de mulheres estão reunidas para a Marcha das Margaridas, os atos também já iniciaram: nesta manhã, milhares de mulheres indígenas marcham pela Esplanada dos Ministérios. O ato das indígenas encontrou com a manifestação dos estidantes (veja vídeo abaixo).

Os povos indígenas Pataxó, Tupinambá e Pataxó Hahahae também estão em mobilização no ato em defesa da Educação em Porto Seguro, na Bahia (veja vídeo abaixo).

Em São Paulo

A CUT São Paulo elencou alguns locais do estado onde manifestações de terça 13 já estão confirmados. São eles:

Capital 
15h: Concentração no Masp, na Avenida Paulista e caminhada até a Praça da República,
Araçatuba
10h: Rua Marechal Deodoro, Calçadão , 32, no centro
Bauru 
16h: Avenida Rodrigues Alves, em frente à Câmara Municipal
Campinas
9h: Ato no Largo do Rosário
17h: Ato no Largo do Rosário
Itapeva
15h:
 Praça Anchieta
Osasco
9h: 
Estação da CPTM de Osasco
Penápolis
11h: Avenida Luís Osório, altura do número 600, no centro
São Carlos
10h: Ato na Praça Coronel Salles
São José dos Campos
17h
: Praça Afonso Pena
Santos
18h: 
Avenida Ana Costa, 340, em frente à Estação da Cidadania
Santo André
15h: 
Estação da CPTM de Santo André Prefeito Celso Daniel
Sorocaba 
9h: Praça Coronel Fernando Prestes
Taubaté
17h: Praça Santa Terezinha



Voltar para o topo