Central de Atendimento

ou whatsapp (11) 97593-7749
Pandemia

Coronavírus: após cobrança, Itaú se compromete a não demitir na pandemia

Banco informou ao Sindicato que suspenderá demissões durante pandemia de coronavírus. Medida é uma das reivindicações apresentadas pelo movimento sindical à Fenaban

  • Redação Spbancarios
  • Publicado em 24/03/2020 18:59 / Atualizado em 10/09/2020 15:26

Foto: Seeb-SP

Após cobrança do Sindicato e Comando Nacional dos Bancários, o Itaú comunicou que suspenderá as demissões durante a pandemia de coronavírus, a não ser no caso de justa causa ou desvio ético. O banco informou também que os trabalhadores que mantiverem a média dos últimos 3 meses no programa Agir, ou piso de no mínimo 1.000 pontos do segundo maior, não terão perdas neste momento. De acordo com o Itaú, está sendo montado um forte plano para redução da operação, de modo que mais bancários trabalhem de casa.

Tempo Real: Acompanhe as notícias sobre o Coronavírus nos bancos

“Essa é uma vitória da atuação do Sindicato e demais entidades representativas na defesa da saúde dos bancários. A suspensão das demissões traz maior tranquilidade ao trabalhador. O momento exige que a vida das pessoas seja priorizada e consideramos de extrema importância garantir tranquilidade e segurança aos bancários neste difícil período”, enfatiza a presidenta do Sindicato e uma das coordenadoras do Comando Nacional dos Bancários, Ivone Silva.

“Nossa cobrança é para que as metas sejam totalmente suspensas enquanto durar a pandemia de coronavírus. Não faz sentido que as metas sejam cobradas como se não houvesse uma gravíssima crise a ser enfrentada no país e no mundo. Além disso, para preservar a saúde de clientes e bancários, reivindicamos que somente sejam realizados nas agências atendimentos considerados essenciais como compensação bancária, redes de cartões de crédito e débito, caixas bancários eletrônicos e outros serviços não presenciais”, acrescenta Ivone. 

Bancários exigem atendimento apenas de serviços essenciais nas agências

Anteriormente, o Itaú já havia anunciado a antecipação do pagamento do 13° salário integralmente aos funcionários até o dia 27 de abril.

Procure o Sindicato

O Sindicato está monitorando todos os locais de trabalho e alertando os bancários. Como as informações estão sendo atualizadas constantemente, deixamos aqui nossos canais de comunicação.

> Está com um problema no seu local de trabalho ou seu banco não está cumprindo o acordado? CLIQUE AQUI e deixe seu contato que vamos te ligar 

 

 

> Central de Atendimento - você pode falar conosco via chat  ou solicitação via formulário 

Em tempo real - Entre nessa página especial do nosso site para saber todas as notícias sobre o coronavírus (Covid-19) 

> Redes Sociais - nossos canais no Facebook e Twitter estão abertos, compartilhando informações do Sindicato e de interesse da sociedade sobre a pandemia.

> Quer receber notícias sobre o seu banco? Cadastre-se em nossa newsletter e receba em seu e-mail



Voltar para o topo