Pular para o conteúdo principal
Chapéu
Campanha 2020

Terça tem negociação. Vamos fazer tuitaço por proposta decente!

Linha fina
Já foram nove rodadas e a Fenaban só fez proposta rebaixada: PLR menor, reajuste zero, redução da gratificação de função. Mesa de terça será às 14h, e às 13h bancários devem se mobilizar nas redes para dizer aos bancos que não aceitamos retirada de direitos
Imagem Destaque
Arte: Fabiana Tamashiro/Seeb-SP

Está marcada para as 14h desta terça-feira 25 mais uma mesa de negociação com a Fenaban (federação dos bancos). E mais uma vez, a categoria fará barulho nas redes sociais. Às 13h começa tuitaço para mandar um claro recado aos bancos: não aceitaremos proposta rebaixada! A categoria deve postar no Twitter com a hastag: #QueroPropostaDecente.

“Nossa Campanha está acontecendo em meio a uma pandemia que está fazendo no Brasil o segundo maior número de vítimas no mundo. Por conta disso, as mesas com a Fenaban estão ocorrendo por videoconferência, e nossas assembleias de forma virtual. Além disso, mais da metade da categoria está em home office, uma conquista do movimento sindical para proteger os trabalhadores. As redes sociais assumem uma grande importância nesse contexto. É nelas que devemos manifestar nossa insatisfação com as propostas rebaixadas dos bancos. Participe, convide seus amigos, seus colegas de trabalho. Vamos deixar claro para a Fenaban que não aceitamos nenhum direito a menos”, convida a diretora executiva do Sindicato dos Bancários de São Paulo, Marta Soares, secretária de Comunicação da entidade.

> No sábado, bancários fizeram carreata. Veja fotos e vídeos

A mesa desta terça será a décima rodada de negociação. Mas até agora a Fenaban só apresentou propostas rebaixadas: PLR menor (até 48% menor); reajuste zero, redução da gratificação de função de 55% para 50%. Os bancos chegaram a propor a retirada da 13ª cesta alimentação, mas voltaram atrás na mesa de sábado 22. No sábado também apresentaram uma proposta para o home office, mas ela ainda será analisada pelo Sindicato.

“A Campanha está em um momento decisivo, e é preciso que todos se mobilizem. Eles querem retirar direitos conquistados em décadas de muita luta. E por conta do fim da ultratividade, nossa CCT perderá a validade em 31 de agosto e todos os nossos direitos estarão ameaçados. Por isso, os sindicatos de todo o país também farão, neste terça, plenárias virtuais organizativas, para anaisar as propostas dos bancos e pensar a mobilização daqui para frente”, destaca Marta.

A plenária do Sindicato dos Bancários de São Paulo será às 19h, por meio de link que será divulgado pelo site.

Veja como foram as rodadas de negociação:

> Nona rodada: Fenaban insiste em retirada de direitos
> Oitava rodada: Bancos propõem reajuste ZERO
> Sétima rodada: Bancos querem retirar 13ª cesta e diminuir gratificação
> Sexta rodada: Fenaban propõe reduzir PLR dos bancários em até 48%
> Quinta rodada: Bancos apresentarão proposta na terça-feira 18
> Quarta rodada: Sindicato cobra implantação do canal a vítimas de violência
> Terceira rodada: Sindicato cobra da Fenaban melhorias para saúde dos bancários
> Segunda rodada: Bancários reivindicam manutenção dos empregos
> Primeira rodada: Sindicato negocia regulamentação do home office

Conecte-se ao Sindicato

Mande aqui um WhatsApp para o Sindicato, salve o nosso número nos seus contatos e fique por dentro de tudo o que acontece na Campanha Nacional dos Bancários 2020. Ou cadastre-se para receber notícias da campanha em seu e-mail.

Acesse a página de notícias Ao Vivo e siga o Sindicato dos Bancários no FacebookTwitterInstagramLinkedin e Youtube para se manter informado sobre a Campanha Nacional dos Bancários 2020.

Também fizemos uma lista com perguntas e respostas sobre a campanha.